Séries Addict

Gossip Girl – Últimos Episódios

Posted on: janeiro 14, 2008

O ponto positivo de fazer o review dos três últimos episódios da temporada juntos, é que eu consegui enxergar a big picture. Consegui ver a trama se desenvolvendo e indo a algum lugar. Em Hi, Society, o décimo episódio da temporada, Blair e Nate se acertam, Serena e Dan se solidificam com a benção de Lily, Jenny demonstra que sua vontade de entrar pro clube da alta sociedade é mais forte que seus princípios, o casamento de Rufus dá sinais de seu fim eminente e Chuck mostra que fugir é a solução preferida dos Nova Yorkinos ricos quando as coisas dão errado.
O episódio final pode não ter sido um grande finale, mas encerrou todo um clico de Gossip Girl. Colocou os traços nos ts e os pontos nos is. A partir da nova temporada, as coisas serão diferentes.
Blair, na minha opinião, foi a figura central de todos os acontecimentos. Acho até desrespeitoso chamar Serena de protagonista. Pode até ser, no livro, mas há muito tempo a série é o “show da Blair”. E depois de ela ter dormido com Chuck e Nate, certamente as coisas tinham que se focar nela. Se em Roman Holiday o assunto não seguiu adiante, ficando com os problemas de família de Blair, a partir de School Lies os rumos começaram a aparecer no horizonte.
Blair sempre foi uma Rainha na Constance. Mas era a Rainha Virgem, Elizabethana, preocupada demais em entrar em Yale e cheia de moral e pureza, o que dava a ela o controle sobre as outras garotas. Estas, com exceção de Serena, agiam como verdadeiras Damas de Companhia. Leais e resignadas, até chegar verem a oportunidade de destronar a realeza e começar a brilhar com luz própria. Você nem precisa morar no Upper East Side. A história é a mesma em todas as escolas.
Enquanto as vampiras esperavam, Chuck atormentava, com qual objetivo eu não sei. É de se pensar que ele queria Blair, mas no final ele simplesmente a rejeita. É claro que o objetivo do roteiro foi deixar Blair abandonada e destruída, mas isso tornou Chuck confuso.
E Jenny, igualmente rejeitada por Blair, também fez o favor de rejeita-la de volta. Jenny foi talvez o personagem mais oscilante nessa primeira temporada. Alguns podem até atribuir ao fato de que garotas de quatorze anos são confusas mesmo, mas eu acho que ninguém sabia direito o que fazer com ela. No fim, ela terminou da maneira que todos previram. Tirando o lugar de Blair.

 

Gossip Girl

E esta, a Rainha social do Upper East Side adolescente, se junta a Serena no lado dos excluídos e mal-falados. Apesar de imprevisível, faz sentido. Blair é a única amiga verdadeira de Serena, e Serena é a única amiga verdadeira de Blair. Todas as outras são, como eu já disse, meras damas de companhia que sempre sonharam ser rainhas. Blair pode ser dura com Serena, jogando na cara dela os muito erros que a loura cometeu, Serena também chega a ser chata às vezes com sua recém inaugurada fase de boa moça dominando praticamente tudo o que ela faz, mas as duas se gostam de verdade.
A relação de Dan e Serena também cresceu. Em Roman Holiday os dois finalmente fizeram amor. Em School Lies a lealdade de um ao outro foi testada e passou no teste. E em The Thin Line Between Nate and Chuck, Dan chega a dizer Eu te amo pra Serena. Eles ficaram tão próximos, que Serena chegou a estragar a fuga de sua mãe Lily com Rufus. E nesse momento, eu tive que odiá-la acima de tudo. Tudo bem que o pai do seu namorado estar com a sua mãe deve ser bem esquisito, mas a própria Serena reclama que Lily entra e sai de casamentos sem amor por anos, será a que a socialite não merece um pouco de felicidade? Deus sabe que nós gostarmos dos namorados de nossos pais é irrelevante com relação a se eles deveriam tê-los ou não.
Eu ainda não sei se gosto de Dan ou não, mas isso não importa, porquê o plot dele gira completamente em torno da loira teen do Upper East Side e ela falha repetidamente em me conquistar.
Apesar disso, eu considero esse último episódio uma prova da grande evolução da série. Mas se eu tivesse que dar um conselho pros produtores, eu diria para eles se concentrarem nos diálogos. Agora que a série encontrou um ritmo e está conseguindo produzir boas estórias, faltam aqueles diálogos sensacionais e memoráveis a la The O.C. e Veronica Mars (porquê sim, eu já acho VM a melhor série teen do Universo, mesmo antes de ter terminado a primeira temporada, mas isso é assunto pra outro post…).

 

Anúncios

6 Respostas to "Gossip Girl – Últimos Episódios"

Estou acompanhando pela Warner, mas é bom saber que a série continua se desenvolvendo…

Estou adorando a série!

Abraços!

Thata

demorei pra entender a atitude de Chuck, mas depois caiu a ficha. Qualquer pessoa q se dê o minimo de valor faria o q ele fez, ninguem quer alguém q nao a queira. e Blair só procurou Chuck pq n tinha mais ninguém. Chuck fez o q fez por gostar dela, mas por ser riquinho, mimado, egoista, entre outras coisas, acabou com a vida dela por nao saber ser rejeitado.

E sim, a série encontrou um ritmo bom e o que é melhor, ta conseguindo fugir dos clichês mais previsíveis. exemplo maior é o fato de Serena e Dan estarem mais firmes do que nunca, porque se fosse seguir a linha the o.c, eles terminariam a cada 3 episodios.

outra, sim, os dialogos precisam ser melhorados, mas the o.c como referência? Veronica Mars é outro universo, e nao acredito q GG consiga ter dialogos como dessa série.

as séries teens classicas que possuem os melhores dialogos, na minha humilde opinião, são Dawson’s e OTH. Dawson’s em primeiro, pra ser mais exato. mas essas duas séries dão banho em the o.c, e a própria gossip girl.

Oi Thais. então eu estou bem atrasado em GG mais estou morrendo de vontade assistir tdos os episodios logO; Parei no 1.10 que pra mim foi o melhor. meu amigo e poarceiro do BlOG já baixou tdos os outros restantes mais ainda não deu pra mim assistir;

Mais fala sério né;! GG é a série;
Parabens pelo post;;;

Até mais;.
Séries é Aqui

Eu concordo com quase tudo… Discordo: Serena pode não ser um personagem tão bem construído mas tem um appeal interessante quando ela diz que não é a mesma, e ela tem um ar de madura e ao mesmo tempo de que quer aproveitar a vida, eu gosto mais dela que da Blair. Diálogos: minhas referências seriam VM e Gilmore Girls (que não era tão teen assim). E o Chuck: eu não sei aonde eu li, mas foi em um blog estrangeiro, mas eu li que havia rumores de que a autora da série reveleraria no próximo livro da série que ele é gay. Faria um pouco de sentido: a relação dele com o Nate, a relação dele com as garotas. E também seria interessante, não?

PS.: Obrigado pelo comentário na minha apresentação…

estou adorando esse seriado!!!!! totalmente envolvente!!!! agora que a his´toria está se desenvolvendoo tá chamando mais minha atenção!!! adorooo Gossip girls!!!

Adoooroo Gossip Girls !! E tudo muito legal mais amoo msm o DAM.. liindooo !

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Comentários

luiz augusto em The Day of the Triffids
karina em Much I Do About Nothing…
andreia em Eles estão voltando…

Blog Stats

  • 174,825 hits

Todas as atualizações do seu blog favorito

Me Adicione no Technorati

Add to Technorati Favorites
%d blogueiros gostam disto: