Séries Addict

House’s Head

Posted on: maio 15, 2008

Muito tem se reclamado de House ultimamente. Eu mesma, apesar de considerar que mesmo o mais fraco dos episódios de House é válido, tenho sentido certos problemas de ritmo. E duvido ser a única a achar que isso é conseqüência do excesso de personagens, em uma série que sequer é baseada prioritariamente neles. House é uma série processual, com um caso da semana e o desenvolvimento dos personagens vindo paralelamente às tramas trazidas pelos doentes. Eventualmente há episódios especiais que focam nos seus protagonistas. Este foi um deles. E na minha opinião, ele veio para reerguer completamente essa temporada, e porquê não, para redimir uma pequena parte dela.
Michel Arouca, do Série Maníacos, disse em sua review que esse pode ser o melhor episódio de toda a série. Eu não digo o melhor, porquê são tantos (e tem aqueles que nem são tão bons, mas viram queridos por alguma coisinha ou outra), mas definitivamente, é TOP 5.
Talvez o que torne House’s Head tão inesquecível seja que ele foge bastante da esquemática da série, sem abandonar a base de House, que é busca pelo diagnóstico, a solução do quebra-cabeças. Ela se revoluciona, sem romper com sua essência (se meu professor de História ler isso, é capaz de ter uma convulsão). Talvez, sejam as cenas antológica como Cuddy vestida de colegial e fazendo strip para House (os homens devem ter babado, mas eu também achei o máximo, afinal Cuddy e House são meu “casal que não é casal” preferido atualmente), a cena do acidente de ônibus, House hipnotizado e até mesmo a cena inicial.
Eu nunca escrevo muito sobre House, porquê eu gosto de fazer análises psicológicas dos personagens (ás vezes acho que estou na faculdade errada) e não consigo me aprofundar na psicologia de Gregory House, por mais que eu tente. Ele é muito complexo para min, e a sensação de apenas riscar a superfície é um tanto frustrante. Mas esse décimo quinto episódio é tão, tão marcante que eu precisava registra-lo aqui.
Só algo que eu achei estranho e checando, vi que foi um erro. House tem uma concussão, e Cuddy o manda ir para casa dormir. Quando se tem uma concussão, a última coisa que se deve fazer é exatamente dormir (não me pergunte porquê, eu estudo Mídia).
O cliffanger foi a melhor parte de todas. Eu não perco a finale de House por nada nesse mundo. Se eu fosse você, também não perderia.

Anúncios

2 Respostas to "House’s Head"

Muito tem se falado dessa falha da Cuddy em sugerir que ele durma após a concussão. Mas é um detalhe que só quem tá ligado naquele monte de doença entende. Eu mesma não sei nem mencionar todas aquelas síndromes com nomes estranhos. Portanto, dá prá deixar passar batido isso, mesmo sabendo que cada episódio do House é pesquisado a fundo.

Mas além de todo o esquema da trama e a edição de imagens como se fosse cinema, o melhor do episódio foi poder entrar “um pouquinho” na cabeça do cara que a gente ama e odeia.

E realmente, a mente do House é uma caixa de Pandora. Mesmo atordoado, o seu incessante raciocínio ou busca não pára.

Espero que a continuação do episódio se mantenha nesse nível. Faço novamente um elogio explícito aos OLHOS AZUIS de Hugh Laurie. São mais que um charme, são quase que um “personagem”.

Belo review…
O episódio foi excelente e pra fim só fica atrás de Three Stories. Vindo em terceiro lugar Airbone.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Comentários

luiz augusto em The Day of the Triffids
karina em Much I Do About Nothing…
andreia em Eles estão voltando…

Blog Stats

  • 172,286 hits

Todas as atualizações do seu blog favorito

Me Adicione no Technorati

Add to Technorati Favorites
%d blogueiros gostam disto: