Séries Addict

House – 5×10 – Let Them Eat Cake

Posted on: dezembro 6, 2008

Eu fui no IMDB pegar o nome do episódio para escrever esse texto (sempre esqueço os nomes dos episódios) e vi nos créditos que o roteirista Russel Friend foi um dos responsáveis pelo roteiro de Let Them Eat Cake. Russel também escreveu, entre outros, House’s Head, Wilson’s Heart, 97 Seconds e Euphoria: Part 2. Ou seja, alguns dos mais geniais e inesquecíveis episódios de House. Let Them Eat Cake não chegou ao nível desses quatro aí em cima, mas certamente foi divertidíssimo e memorável. Eu assisti o episódio inteiro com um sorrisão no rosto e grande parte da razão é o casal House e Cuddy.
Eu tenho certeza de que muita gente deve estar odiando esta storyline, a maioria por achar que House não combina com romance. Mas é justamente a perspectiva de ver como criarão um romance entre House e Cuddy, dois personagens que não são particularmente ordinários em sua natureza, que me excita. É o fato de que eles podem se enlouquecer de uma maneira estranhamente cômica e outras vezes de maneira estupidamente trágica (Joy, Finding Judas). E Laurie e Edelstein tem química de sobra, então por quê não? E a desculpa de que o House da primeira temporada simplesmente não faria isso simplesmente não cola comigo, que acho que o House da primeira temporada não é o da quinta, porquê personagens, assim como pessoas de verdade, precisam mudar, evoluir, se renovarem através das experiências e experimentações. Isso é parte de viver a vida, é parte do quê torna tudo real. Um relacionamento que você não teria há quatro anos trás pode de repente se tornar viável.
Saindo um pouco do casal, eu adorei ver que o House sacana tem energia para outras coisas além de tentar provar para Cuddy que só a atormenta porquê realmente não gosta dela. O quê foi o Kutner confessando que é dono de um website em que oferece diagnósticos online? Que criatividade absurda. E quando a tal de DeeDee apareceu no hospital procurando por House, morri de rir. Atriz e personagens excelentes, melhor do que a paciente da semana, com certeza. Apesar de quê, a trama foi clichê, mas no final, quando a paciente assume que prefere ser bonita a ser saudável, se redimiu comigo. E Chase que foi esperto, conseguiu sua cota no Website, junto com House e Taub (com todas aquelas cotas, sobrou alguma coisa para o Kutner? Quer dizer, não deu, tipo assim, uns 105% para os outros três, não?). Mas me surpreendi mais com o fato de Cameron ter topado participar da brincadeira. Pena que não vimos mais dela e Chase. Para House ter descoberto o esquema de Kutner, ele deve ter esbarrado no site. Será que House procura por si mesmo no Google?
Agora acho que House voltou de novo aos trilhos. Se eu já tinha confiança na série antes, agora definitivamente minha fé foi renovada.

Eu estava navegando pela página de House no site da FOX e encontrei o link para um artigo sobre House e o amor. É super interessante e cheio de análises profundas de meu médico profundo e confuso favorito. Infelizmente, está em inglês e é enorme (razão pela qual eu não traduzo). Mas para quem anda com a língua em dia, fica aqui a dica e o link: Dr. Gregory House in Love, Part 1: Of Monster Trucks and Vindaloo Curry.

1 Response to "House – 5×10 – Let Them Eat Cake"

Thata,

como te falei, o house da primeira temporada havia mta ferida que o tornou daquele jeito, passaram se 05 anos, algumas atitudes dele pode parecer infantil, e sao mesmo, mas analisando a série como um todo, parece a evolução do personagem, a evolução que vc falou que todos nós temos, sim, ele é ranzinza, diz verdades como pouco, mas é natural hj em dia ele se importar.

e nisso uma hora mais cedo ou mais tarde ele ficaria atraído por alguem, e ele e cuddy tem uma puta quimica(desculpa pelo palavrao), lembro do episodio q vi que ele deu injeção nela na bunda, e a tensão que existia entre os dois, foi na segunda ou terceira temporada isso, e desde entao eu ficava torcendo para o dia que eles parassem de fugir, e este dia parece está chegando.

e aos poucos, os outros personagens tem aparecido mais, a propria cuddy, cameron, foreman, apenas chase e wilson estao longe, e vai la, gostei dessa uniao de 13 com foreman, e realmente, kutner se destaca dos novatos, e foi mto engraçado essa historia, o susto final, rsrs

enfim, a temporada pode ate n ta genial, mas longe de ser uma das bombas da tv americana

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Categorias

Comentários

luiz augusto em The Day of the Triffids
karina em Much I Do About Nothing…
andreia em Eles estão voltando…

Blog Stats

  • 169,074 hits

Todas as atualizações do seu blog favorito

Me Adicione no Technorati

Add to Technorati Favorites
%d blogueiros gostam disto: