Séries Addict

Archive for the ‘Fringe’ Category

Eu tenho lutado há semanas para encontrar as palavras certas para falar de Fringe. E finalmente encontrei uma: segurança. Não sua existência em si própria, mas como um sentimento, e então, quando ele é retirado de você abruptamente e você acorda em mundo estranho e perigoso. Ou é o mesmo mundo?
Eu acho que não é. É um mundo quando você tem uma carreira de sucesso, com um trabalho que conhece bem, que faz brilhantemente e do qual gosta; quando você tem uma pessoa que ama e quer cuidar de você deitado na sua cama; quando sua maior preocupação é quê seu chefe possa descobrir seu caso com um colega de trabalho. Você se sente seguro, e de certa maneira, não está mesmo?
Mas então seu namorado é um traidor, você tem que trabalhar com fenômenos inexplicáveis, um cientista instável especializado em ciência de borda (Fringe Science) e seu filho também não muito confiável. Você definitivamente está voando sem a rede de segurança. E você não é o único.
A principal sensação que eu tenho quando assisto Fringe é essa: de que eu entrei em um mundo onde não se tem segurança. Não apenas em relação aos perigos obscuros que aguardam nossos três heróis (ou heroina e anti-heróis, ou quaisquer outras combinações de estereótipos que vocês preferirem que possa constituir uma referência curta e rápida aos três protagonistas) Olivia (Anna Torv), Peter (Joshua Jakson) e Walter Bishop (John Noble), mas em relação a uma salvaguarda psicológica também. Como a mente a sobrevive a uma reviravolta de tamanha dimensão? Eu, particularmente, ficaria paranóica bem rápido.
Porém é sempre bom assistir a esse outro mundo, esse mundo de sombras na televisão. Fringe, em sua retratação desse mundo, é muito boa. Em sua retratação dos conflitos humanos diante desse novo mundo acho que ela ainda anda a passos lentos, mas não acho que seja nada que prejudique muito a série nesse momento, em que ela acumula míseros quatro episódios e tem uma temporada inteira garantida pela frente. As atuações me agradaram no começo e depois passaram a me incomodar, mas isso talvez seja problema meu. Do roteiro, da direção intimista, da fotografia e da trilha sonora eu gosto muito, o quê deixa a série bem cotada comigo em termos técnicos. E quando eu coloco a lista de séries de terça no meu torrent e alinho os downloads por prioridade, Fringe fica atrás apenas de House. A série pode não chegar aos pés de Alias ou LOST, mas me agrada, e muito.

Para os fãs de LOST e Alias, Fringe é provavelmente a série mais antecipada da próxima Fall Season. A promo mostra uma produção aparentemente cuidadosa, e deixa os espectadores mais ansiosos com água na boca. A nova criação de JJ Abhrams parece ser uma mistura de seus dois maiores sucessos, com uma pitada de Arquivo X. Eu não perco por nada.

Parte 1:

Parte 2:

No site oficial tem sinopses, fotos, um fórum e muito mais: Fringe Online

Tags:

Categorias

Comentários

luiz augusto em The Day of the Triffids
karina em Much I Do About Nothing…
andreia em Eles estão voltando…

Blog Stats

  • 207.314 hits

Todas as atualizações do seu blog favorito

Me Adicione no Technorati

Add to Technorati Favorites