Séries Addict

Posts Tagged ‘Burn it Shred it I don’t Care


Eu gostei tanto desse episódio que se eu ainda utilizasse notas para avaliar episódios , eu daria a Burn it, Shred it, I Don’t Care a nota máxima. Nessa segunda temporada as coisas parecem estar se desenvolvendo mais rápido, e obviamente teremos mais reviravoltas, o quê nem sempre é bom, mas aqui é surpreendente. O roteiro intricado, cheio de revelações mas ao mesmo tempo sempre nos mantendo três passos atrás dos espertos e dúbios protagonistas.
Nessa nova trama, ninguém é confiável, ninguém é simplesmente bom ou mau, nada é preto ou branco. E como na primeira temporada, quando você começa a achar que está entendendo alguma coisa, vem um episódio como esse e te mostra que ainda é muito cedo para se ter certeza de qualquer coisa, e que a verdade é que nós não sabemos nada. A estrutura narrativa de Damages é como uma tapeçaria incompleta, e por mais que os caminhos que os fios percorrerão e se entrelaçarão pareçam previsíveis, eles nunca correspondem as nossas expectativas.
Patty dispensou o caso que o FBI preparou como armadilha e assumiu com tudo o caso de Daniel Purcell. Porém o velho conhecido da advogada parece não ser tão inocente quanto se esperava. A frase do episódio é de Patty, que diz sabiamente que todo mundo tem um objetivo escuso. E eu acho que o grande mistério dessa temporada não é em quem Ellen atirou afinal de contas, mas qual é o objetivo de escuso de Patty. Até agora Hewes parece não estar jogando, manipulando ou escondendo nada para tirar vantagem dos outros, mas esperar que ela realmente não tenha uma (ou várias) cartas na manga é ingenuidade. Por mais que ela pareça se preocupar genuinamente com Purcell (quem, em um momento suspeito, fica extremamente tenso ao conhecer o filho de Patty, Michael, que ao alguém me lembrou sabiamente que também não é filho do marido dela), e por mais que as intenções dela em relação ao caso pareçam boas, eu não confio que Patty seja completamente altruísta ou que pelo menos ela não vá jogar muito sujo.
Mas com o quê vimos até aqui, ela está até parecendo a mocinha da estória. Ellen está tramando contra ela, Tom parece muito próximo de Parsons no futuro, Purcell pode estar usando-a. E ainda temos, Frobisher (que não apareceu dessa vez, mas alguém duvida que ele continue sendo o homem maquiavélico de sempre) e o novato Wes, que parece ter uma obsessão nada saudável com ex-bilionário e seu envolvimento com Ellen, isso sem mencionar na sua assustadora coleção de armas.
Para completar, entra em cena Claire Maddox, interpretada pela ganhadora do Oscar Marcia Gay Harden. Por enquanto apenas conseguimos deduzir que ela e Daniel tem um segredo, que pode variar desde um envolvimento mais pessoal até os dois estarem juntos armando contra Patty. Porquê motivo eles fariam isso, eu ainda não sei. Mas Claire parece que será uma antagonista ainda melhor que Ray Fiske.
Gay Harden é ótima atriz, e sua composição está irrepreensível, mas os destaques de atuação em Burn it, Shred it, I Don’t Care são mesmo Glenn Close e William Hurt. Enquanto Glenn consegue dar uma certa vulnerabilidade a Patty sem fazer com que ela deixe de ser a mulher sagaz e calculista que todo mundo já aprendeu a temer e respeitar, William Hurt faz exatamente o oposto, apresentando Daniel como um homem supostamente fiel aos seus valores e assustado, mas que esconde um lado negro.
Com isso, quarta-feira já tornou-se o melhor dia da semana, o mais esperado por mim pelo menos, e está extremamente difícil escolher o que ver primeiro: Damages, Lost ou Criminal Minds (e ainda tem tecnicamente impecável CSI: NY).

Ano novo, coluna nova. E essa coluna é o Top 10 de melhores episódios da semana. Eu sei que com as reviews parece um pouco redundante, mas não é. Primeiro, porquê eu não consigo escrever sobre todas as séries que assisto aqui. E ultimamente eu tenho atrasado um pouco as reviews, e me desculpo por isso. É um problema que eu ainda tenho que solucionar, mas no meio tempo, vocês já ficam sabendo o quê eu vi e do quê eu gostei mais. Eu não vou usar notas, porquê desisti desse sistema faz um tempo. Era muito rígido, e eu acho que não acrescentava nada ao quê eu tinha para dizer. Mas eu vou usar os MVPs, que para quem não sabe, significa Most Valuable Player, e é usado por blogueiros para designar o melhor ator em cena em um episódio. O segundo motivo por eu ter decidido começar essa coluna é que me ajuda a colocar em perspectiva os episódios que assisti. Quando eu faço uma review, eu procuro apontar criticamente o quê eu vi como qualidade ou como defeito. O quê às vezes faz com que eu perca um senso mais geral sobre o episódio. Avaliá-los de maneira comparativa me ajuda a perceber o quanto um episódio foi bom de verdade, respeitadas as devidas características específicas de cada show e a questão da subjetividade. É um exercício muito bom e me permite também trazer minha intuição para os julgamentos que eu faço, já que durante uma crítica geralmente eu fico tão imersa em análises e dissecações técnicas que coloco o instinto um pouco de lado. Bom, sem mais delongas, o primeiro Top 10 Most Addictive da Semana.

1. Damages – 2×02 – Burn it, Shred it, I don’t Care (MVP: William Hurt, Glenn Close)
2. CSI NY – 5×12 – Help (MVP: Gary Sinise, Hill Harper)
3. Desperate Housewives – 5×12 – Connect! Connect! (MVP: Marcia Cross, Felicity Huffman, Nicollette Sheridan)
4. Nip/Tuck – 5×16 – Gene Shelly (MVP: Dylan Walsh, Julian McMahon)
5. The New Adventures of Old Christine – 4×13 – Notes on a 7th Grade Scandal (MVP: Julia Louis-Dreyfus)
6. Criminal Minds – 4×12 – Soul Mates (MVP: Paget Brewster)
7. Grey’s Anatomy – 5×12 – Sympathy for the Devil (MVP: Eric Stoltz, Jessica Capshaw)
8. Two and a Half Men – 6×12 – Thank God for Scoliosis (MVP: Jon Cryer)
9. 24 – 7×01 – 8:00 a.m.-9:00 a.m. (MVP: Kiefer Sutherland, Carlos Bernard)
10. Gossip Girl – 2×15 – Gone with the Will (MVP: Kelly Rutherford)


Categorias

Comentários

luiz augusto em The Day of the Triffids
karina em Much I Do About Nothing…
andreia em Eles estão voltando…

Blog Stats

  • 200.456 hits

Todas as atualizações do seu blog favorito

Me Adicione no Technorati

Add to Technorati Favorites